Humanização Hospitalar!

Sandra Carvalho

Bisturi Cronista

Por que razão a Humanização Hospitalar é importante?
Atualmente, as instituições de saúde têm se tornado altamente focadas em retorno financeiro e se esquecem do paciente.
Sem pacientes essas instituições de saúde não são nada embora devido a falta de recursos das pessoas seja o mais comum ouvirem e calarem, esta situação não pode acontecer a atenção deve ser focada em realizar um bom atendimento e de fato resolver o problema apresentado caso não seja existem uma entidade em que as pessoas podem recorrer, a Entidade Reguladora da Saúde (ERS) é uma entidade pública independente que tem por missão a regulação da atividade dos estabelecimentos prestadores de cuidados de saúde.
É simples entender esse conceito através de uma analogia, comparando uma instituição a um veículo, o paciente seria o motor desse carro!
Então, para que o veículo (a instituição) continue a funcionar de maneira saudável, é necessário estar sempre injetar combustível.
Por outras palavras, isso significa “alimentar” o utente ao longo do atendimento para que ele saia satisfeito A prioridade da humanização no ambiente hospitalar é valorizar não só a dignidade do utente mas também do profissional de saúde.
A humanização que queremos é um fazer coletivo, efetivamente compartilhado por profissionais de saúde, enquanto equipa de trabalho, para além de suas categorias profissionais e seus saberes específicos e também por gestores e utentes.
A cordialidade vem atrelada a tudo isto, produzida nas relações pessoais, mas desejamos que o foco seja a escuta efetiva entre os envolvidos, uma escuta que acolhe os problemas para produzir soluções coletivas e fortalecer o próprio grupo, que não é de um, mas de um todo.
A humanização do atendimento hospitalar requer mudança de valores, comportamento, conceitos e práticas, exigindo do profissional um reposicionamento no que se refere ao atendimento aos utentes. Essa postura cabe a cada um de nós “obrigar” o Sistema Único de Saúde a investir na formação de todos os seus colaboradores.
É possível compreender que a humanização é uma nova visão de atendimento ao/ colaborador/profissional /utente/gestor, possibilitando um trabalho de melhor qualidade, visto que:
“Humaniza-os” porque os torna mais ricos em humanidade, em sensibilidade, em afetividade. “Humaniza-os” ´porque traz á tona sua grandeza, sua força, sua sabedoria. “Humaniza-os” porque lhes permite a experiência do mistério da vida, da dor e da vitória, do risco e da alegria. “Humaniza” o médico e os demais profissionais dando-lhe mais profundidade de compreensão do processo da doença e sua prevenção, mais segurança para lidar com ele, tornando-os pessoas mais plenas (JAKOBI,2004, p.1).”