Crónica no P3 do Jornal Público| A Inteligência Emocional e o Futuro da Educação

Mafalda G. Moutinho

Bisturi Fundadora/Editora


Excerto:

Aristóteles, em Ética a Nicómaco, definiu aquilo que é para mim a essência mais importante do conceito de inteligência emocional, exemplificando-a da seguinte forma: — “Qualquer um pode ficar furioso, isso é fácil. Mas ficar furioso com a pessoa correcta, na intensidade correcta, no momento correcto, pelo motivo correcto e da forma correcta, isso não é fácil.”

https://www.publico.pt/2019/04/20/p3/cronica/a-inteligencia-emocional-e-o-futuro-da-educacao-1869630