Crónica no P3 do Jornal Público| E se nós, Millennials, fizermos do voto uma moda

 

 

“Eleição sim, eleição sim, a grande vencedora das eleições é sempre a mesma suspeita do costume: a abstenção. Abstenção essa que nos deveria chocar a todos e recordar todos aqueles que pereceram para que hoje, e de forma livre, homens e mulheres possam exercer o seu direito ao voto.

abstenção é dona e senhora em tempo de eleições europeias porque para muitos a Europa é um continente que fica lá muito longe e não nos serve de nada eleger meia dúzia de cabeças que vão engordar por mês cerca de 20 mil euros à conta dos cidadãos dessa mesma Europa. Esquecemos com uma imensa facilidade para que serve a Europa e que ela começa na nossa identidade porque o nosso passaporte, antes de tudo o resto, é Europeu.

A pele da Europa é feita por cada um dos cidadãos de cada Estado-membro e aqueles que vão auferir os valores que refiro são os representantes dos nossos direitos, são os nossos braços numa Europa que se quer progressista e solidária, uma Europa que nós, millennials, esperamos que saiba proteger o nosso planeta.”

https://www.publico.pt/2019/05/22/p3/cronica/e-se-nos-millennials-fizermos-do-voto-uma-moda-1873545