Crónica no P3 do Jornal Público | Marie Kondo: a paranóica das arrumações entrou na minha casa e isto foi o que aprendi

Mafalda G. Moutinho 

Bisturi Fundadora/Editora 


Excerto:

“Não é novidade nenhuma a sensação de leveza após uma grande arrumação em casa, com ou sem Marie Kondo; e muitos dos truques não são uma novidade para as boas mães portuguesas, as autênticas Marie Kondos das nossas vidas. Como em tudo, santos da casa não fazem milagres e, graças a este fenómeno, milhares de lojas de roupas em segunda mão e associações de caridade atingiram números históricos.”

https://www.publico.pt/2019/02/02/p3/cronica/marie-kondo-a-paranoica-das-arrumacoes-entrou-na-minha-casa-e-isto-foi-o-que-aprendi-1859420